Leitura de março de 2017

Deixem de lado a vaidade
Luiz de Mattos
Codificador do Racionalismo Cristão

Afirmamos sempre que a vaidade faz com que o ser humano se torne prepotente e arrogante. Enquanto a vaidade não se apodera do espírito, tudo vai muito bem. Todavia, a simplicidade desaparece assim que a vaidade surge como peça desarmônica do caráter, e lá vai por água abaixo o que o indivíduo possuía de bom, porque passa a desempenhar no teatro da vida papéis de que, cedo ou tarde, se arrependerá de ter representado, mesmo que seja apenas ao retornar para o seu mundo de estágio espiritual.

Quantas pessoas tinham um ideal construtivo em mente e o perderam depois que assumiram altos postos da administração pública ou do mundo corporativo! Sabemos que a luta pela vida moderna é cada vez mais difícil em razão da concorrência acirrada e da complexidade que envolve a destinação dos gastos públicos. Tudo ficaria mais fácil se os indivíduos mostrassem mais desprendimento, ao invés de procurar somente a satisfação de interesses pessoais. Fossem o que realmente deveriam ser outra seria a situação do planeta. De palavras ocas e de falsas promessas o mundo está cheio. Infelizmente, as realizações concretas ainda são poucas. Há mais propaganda e promessa do que ação efetiva.

O Racionalismo Cristão é uma doutrina espiritualista que trata da evolução do espírito, que explica o que é o ser humano e o que ele faz na Terra. Sendo este mundo de escolaridade o local apropriado para espíritos vindos dos mundos de estágio densos, opacos e intermédios promover seu progresso evolutivo, é previsível que a marcha espiritual das pessoas fique prejudicada por muitas coisas que fazem de forma errada. Sendo a verdadeira vida a espiritual, é lógico a doutrina racionalista cristã afirmar que os embates materiais do viver terreno devem ser enfrentados com o pensamento bem irradiado e o exercício constante dos atributos e das faculdades espirituais, principalmente a do livre-arbítrio orientado pelo raciocínio lúcido e controlado pela vontade forte.

Simplicidade É preciso que as pessoas despertem para a espiritualidade, que melhorem sua maneira de ser, que sejam moderadas, justas e ponderadas, portanto mais simples. Enquanto cuidarem somente de seus interesses, e, infelizmente, é o que se observa em geral, enquanto estiverem presas somente a compromissos materiais, esquecidas de que eles devem ser cumpridos seguindo princípios espiritualistas, irão agir com intolerância, injustiça e vaidade, defeitos de caráter que caracterizam o espírito preconceituoso.

As normas de conduta sugeridas pelo Racionalismo Cristão expressam a verdade espiritualista que a Doutrina defende e divulga. E a verdade é como azeite jogado n’água, sempre vem à tona, sempre aparece: se não for hoje, será amanhã. Todos devem compreender a vida como ela realmente é, não se deixando levar por ilusões materiais fagueiras, por pessimismo, revolta e vaidade. Quando há uso do raciocínio lúcido, quando há ponderação, prudência e calma, todos os problemas são resolvidos a contento. Importante é pesar e medir as consequências dos atos praticados. São leais e simples as pessoas que cumprem seus deveres e respeitam as leis evolutivas, as leis formais e os semelhantes.


Um ano de lutas bem sucedidas que deixou a certeza
da expansão do RC
Humberto Rodrigues
Presidente Astral do Racionalismo Cristão

Passou-se mais um ano e o Racionalismo Cristão comemora os 107 anos de sua fundação e implantação neste mundo de escolaridade, em 26 de janeiro de 1910, por dois espíritos de notável evolução: Luiz de Mattos, com a incumbência de codificar a Doutrina por meio de profundo estudo da espiritualidade, auxiliado pelo incansável Luiz Thomaz, com o encargo de dar sustentação material na sua divulgação e expansão mundo afora, o que vem sendo continuamente feito nesse período de tempo já secular por seus sucessores e militantes das casas racionalistas cristãs, levando o esclarecimento espiritual à humanidade e ajudando as Forças Superiores a realizar, diuturnamente, a limpeza da atmosfera fluídica da Terra.

Foi um ano de lutas bem-sucedidas e outros mais virão no futuro. O Racionalismo Cristão continuará a se expandir pelo mundo continuamente, seja através do aumento de casas racionalistas cristãs abertas e do intrínseco crescimento de militantes e de assistentes de reuniões públicas, seja pelo uso adequado das mídias sociais, pela editoração de livros e realização de eventos de natureza espiritualista, como os congressos mundiais a cada cinco anos, os cursos de capacitação da militância, os grupos de estudos com participação de pessoas interessadas em conhecer a Doutrina e por tantas outras atividades relacionadas ao espiritualismo.

O Universo é composto de Princípio Inteligente e Matéria. O Princípio Inteligente mantém o Todo Universal regido por leis evolutivas, que são naturais e imutáveis, não havendo lugar para imprevistos, acasos, dúvidas ou perdões, não existindo, portanto, injustiças na vida espiritual, a verdadeira vida. Os espíritos encarnados neste planeta-escola estão em processo de evolução contínua. Logo, todos os seres humanos são imperfeitos, todos possuem atributos para aprimorar a cada existência. Como espíritos encarnados, são dotados de livre-arbítrio para tomar decisões e por elas se responsabilizar, devendo, então, utilizar essa faculdade espiritual voltada somente para a prática do bem.

O espírito sofredor de alguma forma concorreu para o seu sofrimento, nesta ou em existências passadas. Porém, é importante ressaltar que o sofrimento pode ser enfrentado com valor, coragem e vontade forte, qualidades poderosas do espírito. A superação de um sofrimento faz com que o ser humano reflita sobre a vida e procure ser melhor.

Portanto, disciplinem o viver, pois todos estão sujeitos à lei evolutiva de atração, todos são capazes de atrair as forças do bem ou as do mal, o sucesso ou o fracasso, a saúde ou a doença. Logo, eduquem os pensamentos, elevando-os aos campos superiores da espiritualidade, para terem êxito nos empreendimentos, vigor físico e equilíbrio psíquico. Pratiquem a limpeza psíquica nos horários disciplinares recomendados. Ao atraírem boa assistência astral, terão mais tranquilidade, encarando a vida com maior serenidade e naturalidade, mesmo diante dos reveses que apareçam. Estarão aproveitando a encarnação do espírito, sempre a evoluir.

3 Comments:

  1. Eliane Ribeiro Chaves

    Para ser o que realmente somos, um dos nossos maiores desafios neste planeta é a batalha contra o Ego, que cega a nossa Luz interior e nos impedem de prosseguir no caminho evolutivo. Que tenhamos coragem e determinação para ver nossos erros e imperfeições e aceitarmos seguir os atributos da nossa verdadeira essência.

  2. Luiz Hamilton Menossi

    Mais uma rica oportunidade, que todo mês deve ser sempre muito bem aproveitada!
    Oportunidade para ampliarmos a consciência: desta vez a Leitura de março de 2017!
    Luiz de Mattos condena a Vaidade e evoca a Simplicidade como via ao Espírito seguir.
    Humberto Machado Rodrigues fecha com chave de ouro o ano de 2016 rumo a 2017!
    Senso de simplicidade e senso de propósito, com cultivo da espiritualidade que esses
    dois grandiosos espíritos exemplificam! Luiz Hamilton

  3. Elizabeth Moreira de Campos

    As duas doutrinações são de solar clareza com relação a nossa vivência neste planeta Terra. A palavra-chave: disciplina em todos os atos. As outras, cautela, simplicidade, lealdade e caráter. Esta última está faltando para muitos homens públicos, quando administram o erário sem honradez e só pensam no seu enriquecimento esquecendo as promessas eleitorais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *